Supernovas em Aglomerados Abell

 

Home
Up
Supernovas em Aglomerados Abell
BRASS
Supernovas em Galáxias Próximas
Busca de Novas e Asteróides
Observação de Estrelas Variáveis
Transientes de Raios X e Gama

  Você é o visitante    

 

   nessa página

Busca de Supernovas Distantes em Aglomerados de Galáxias Abell 

Supernova Search in Abell Galaxy Clusters

Última Atualização ( Last Update ) quinta-feira, 11 março 2004

A busca de supernovas em galáxias distantes é importante para sabermos a taxa de expansão da aceleração do universo no passado. Supõe-se que as supernovas do tipo Ia atingem um brilho máximo absoluto aproximadamente idêntico. Dessa forma ao medirmos o brilho máximo da supernova poderíamos estabelecer a distância em que ela se encontrava quando da explosão. Da mesma forma, observando-se o desvio para o vermelho de sua galáxia hospedeira obteríamos a mesma informação.

Existem em curso dois programas de busca de supernovas em high-z, ou seja, com grande desvio para o vermelho : O High-z Supernova Group e o Supernova Cosmology Project. Alguns anos atrás havia o programa de supernovas em aglomerados Abell do Mount Stromlo Abell Cluster Supernova Search Team.... Esse último programa me inspirou a observar esses distantes aglomerados de galáxias. Parecem estar além da capacidade de detecção do meu equipamento mas talvez seja esse fato, o fator que inspira mais ainda essa busca : Utilizarmos todos os recursos no limite na procura por supernovas nas mais distantes galáxias.

Como fase inicial do programa devemos ter a disposição as imagens desses aglomerados obtidas através de grandes telescópios. Para tanto fizemos uma macro para rodar no Aladin que capturou as imagens dos 2.600 Aglomerados de Galáxias Abell.

Agora, assim que o céu for adequado começaremos a tirar imagens desses aglomerados. Pelas distâncias envolvidas faremos 4 imagens de 30 segundos, permitindo que cheguemos a magnitude limite de 19/19.5, de cada aglomerado selecionado.

O acompanhamento das imagens e checagens será mostrado nessa página, conforme a busca prossiga, até que encontremos nossa primeira, super distante supernova.

The search of supernovae in distant galaxies is a fundamental step towards the determination of the acceleration rate of the universe since its beginning. We suppose that Supernovae Ia are a benchmark for calculating distances in distant galaxies as they have an almost constant maximum absolute magnitude.  In consequence of this nice property we can measure the distance of supernovae knowing its maximum brightness.

Today there are two groups that are searching for supernovae in distant galaxies : The High-z Supernova Group and the Supernova Cosmology Project. Some years ago there were a group that was investigating Abell clusters, The  Mount Stromlo Abell Cluster Supernova Search Team. This last survey inspired me to observe these distant groups of galaxies, some certainly far beyond the capabilities of my setup. But this is the utmost inspiring factor, as we will be looking throughout billions of years of existence.

In the initial phase of our survey we captured, using a macro, the complete set of DSSII images of Abell Clusters using Aladin server.

Now, when we enter in our astronomical season (Between March-September) we will begin to capture 4x30 seconds frames of each Cluster. We believe that with our setup we will reach mag 19/19.5V. In this page you will follow the survey, step by step, towards the possible moment of the first distant supernova.

 

Log de Observações ( Observations Log )

Target : Abell Cluster 1060, Hydra

Date : 09.Mar.2004  00:00 UT

       

Target : Abell Cluster 1367, Leo

Date : 09.Mar.2004  00:00 UT

       

       

   2 arcsec/pixel, LX200GPS 10", HX516, binned, 30x15 sec    

Target : Abell Cluster 1367, Leo

Date : 27.Apr.2003  00:00 UT

  

Target : Abell Cluster 1228, Ursa Major

Date : 27.Apr.2003  00:00 UT

 

Target : Abell Cluster 1185, Ursa Major

Date : 27.Apr.2003  00:00 UT

    

Target : Abell Cluster 518, Eridanus

Date : 01.Dec.2002  23:00 UT

Right ascension: 4h51m21.6s
Declination: S10 42' 59"
Magnitude of tenth-brightest member: 17.5
Contains 86 galaxies
Redshift: .1804
Major axis: 28.8 arcminutes
 

4 x 30 seconds and DSS2 image

 

Home | Up | Supernovas em Aglomerados Abell | BRASS | Supernovas em Galáxias Próximas | Busca de Novas e Asteróides | Observação de Estrelas Variáveis | Transientes de Raios X e Gama

 

This site was last updated 03/11/04