Planetas e Satélites

 

Home
Cometas
Planetas e Satélites
Asteróides
Estrelas Próximas
Estrelas Duplas
Estrelas Variáveis
Estrelas Novas
Aglomerados Abertos
Aglomerados Globulares
Nebulosas Difusas
Nebulosas Planetárias
Novas e Supernovas Extragalácticas
Galáxias
Aglomerados de Galáxias
Quasares e Pulsares

 

Planetas - As estrelas errantes que percorrem o céu

moon_sleep_md_blk.gif

O nome planeta vem do grego e quer dizer estrela errante. Os antigos entendiam que se tratava de corpos peculiares pois eles vagueavam por entre as estrelas fixas em uma região chamada eclíptica, que contem as constelações do zodíaco.

Os planetas são imagens belas nos telescópios, mas devem ser observados em algumas ocasiões específicas. Marte, por exemplo, pode ser bem observado em uma estreita janela de um ou dois meses a cada dois anos. Fora desse período aparece muito pequeno nos telescópios para que sejam vistos detalhes.

Pequenos telescópios mostram os anéis de Saturno, as luas de Júpiter e suas faixas coloridas e mesmo Urano e Netuno ou as fases de Mercúrio e Vênus. Plutão só pode ser visto em telescópios de diâmetro superior a 25cm.

Vamos as nossas imagens...

Marte

Composição tricromática de Marte em sua oposição de 2001

Marte

Júpiter e Io

Aqui vemos uma interessante imagem de júpiter e sua grande mancha vermelha. O detalhe é a sombra de Io no planeta. Agora perceba o próprio Io no canto direito da imagem...

Galileu foi o primeiro humano a ver essa maravilha de miniatura do Sistema Solar.

Saturno

Saturno Colorido

Exposições de 0.5 segundos em LRGB

Saturno

Urano e seus satélites

Netuno e Tritão

Plutão

Plutão

 

 

 

 

Home | Cometas | Planetas e Satélites | Asteróides | Estrelas Próximas | Estrelas Duplas | Estrelas Variáveis | Estrelas Novas | Aglomerados Abertos | Aglomerados Globulares | Nebulosas Difusas | Nebulosas Planetárias | Novas e Supernovas Extragalácticas | Galáxias | Aglomerados de Galáxias | Quasares e Pulsares

This site was last updated 12/14/02